Pretto prega critério e transparência sobre impeachment contra Sartori

O presidente da Assembleia, deputado Edegar Pretto (PT), declarou nessa segunda-feira que irá pautar toda a tramitação do pedido de impeachment contra o governador José Ivo Sartori (PMDB) de forma criteriosa, transparente e responsável. O pedido para abertura de processo de impeachment foi apresentado ontem pelo Cpers à Mesa Diretora do Legislativo gaúcho.

“Não esperem de mim uma atitude irresponsável. Não serei um Eduardo Cunha, que encaminhou um golpe parlamentar e, agora, está preso por corrupção. Veja o trauma deixado sobre o país”, afirmou, referindo-se ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

No pedido, o Cpers aponta uma série de supostos crimes de responsabilidade, entre eles o suposto recebimento, para a campanha, de recursos oriundos de propina da JBS, repassados, segundo delação, por Aécio Neves (PSDB) ao PMDB do RS. Na Assembleia, o caso será analisado pela Procuradoria, que apresentará um relatório jurídico à Mesa Diretora.

Ação será arquivada

O líder do governo na Assembleia, deputado Gabriel Souza (PMDB), considerou que o pedido para abertura de processo de impeachment do governador José Ivo Sartori (PMDB), encaminhado pelo Cpers ao Parlamento, “não tem nenhum fundamento”. Em nota, Souza acusa o Cpers de manter “indignação seletiva e agir como braço ideológico-partidário do PT, esquecendo da educação e dos professores”.

Para ele, a Assembleia “é poder sério e responsável. Não tenho dúvidas de que o destino dessa ação partidarizada será o arquivo”. Em outubro de 2016, o sindicato já havia entrado com pedido de afastamento argumentando o descumprimento de decisões judiciais.

Outras Notícias

Emprego informal cresce e vagas com carteira diminuem

A taxa de desemprego ficou em 12,2% no trimestre encerrado em janeiro, estável em relação ao período fechado em outub...

Em artigo no jornal The New York Times, pesquisador diz que vale tudo no judiciário para tirar Lula da eleição

Edição desta sexta-feira, 26, do jornal The New York Times traz artigo do pesquisador Hernán Gómez Bruera, especializ...

CUT-RS reforça vigília contra pacote de maldades de Sartori na Praça da Matriz nesta segunda

A CUT-RS convoca os trabalhadores a participar da vigília, junto com o CPERS e o Movimento Unificado dos Servidores (...

Movimentos sociais começam a montar acampamento em Porto Alegre para acompanhar julgamento de Lula

Sul21 – Os movimentos que integram Frente Brasil Popular iniciaram na tarde deste domingo (21) a montagem da estrutur...

Mais de 200 caravanas de todo o País já confirmaram presença em POA

Caravanas de todos os cantos do Brasil começaram a se organizar para ocupar Porto Alegre! São professores e professor...

Tasso diz que Aécio o destituiu por diferenças éticas e pressão do Planalto

Destituído da presidência nacional do PSDB, o senador Tasso Jereissati (CE), recém-lançado candidato a assumir o coma...

CUT-Vox mostra Temer com 3% de avaliação positiva

Para 84% dos brasileiros, o Brasil está na direção errada. Essa é uma das principais constatações da nova rodada da p...

A CUT-RS e centrais sindicais realizam nesta sexta-feira (10) um dia nacional de paralisação e mobilização, às vésperas do início da vigência em 11 de novembro da lei 13.467, a chamada “reforma” traba

A CUT-RS e centrais sindicais realizam nesta sexta-feira (10) um dia nacional de paralisação e mobilização, às vésper...

Fux desafia direito, antecipa posição sobre 2018 e é criticado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux fez uma declaração polêmica ao antecipar, no último domingo (5)...

Chanceler brasileiro defende maior cooperação econômica entre os Brics

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, defendeu nesta segunda-feira, em Pequim, um aprofundamento da coop...