Juízes que condenaram Lula ganham auxílio-moradia mesmo possuindo imóvel em Porto Alegre

Dois dos três desembargadores do TRF-4 que condenaram o ex-presidente Lula sem provas no caso do triplex do Guarujá também recebem auxílio-moradia, mesmo possuindo imóvel na cidade em que residem, Porto Alegre. Assim como o juiz federal Sérgio Moro, Leandro Paulsen, revisor da sentença contra Lula, e Victor Laus, recebem R$ $ 4.378.

Segundo informações divulgadas pela Folha de S. Paulo neste domingo (11), em 2014, Laus comprou por R$ 255 mil um apartamento no Moinhos de Vento, bairro nobre na região central. Em dezembro de 2017, rendimento bruto do magistrado era de cerca de R$ 106 mil, somados benefícios e gratificações. Seu salário-base foi de cerca de R$ 30,5 mil.

Já Leandro Paulsen adquiriu um apartamento por R$ 432 mil em 2009. O magistrado investiu R$ 50 mil de recursos próprios e financiou outros R$ 382 mil com a Caixa Econômica Federal, a ser pagos em até 360 meses (30 anos). O imóvel fica no bairro nobre Três Figueiras.

Em dezembro de 2017, Paulsen teve rendimento bruto de cerca de R$ 47,4 mil, contados os R$ 4.378 do auxílio-moradia. Seu salário-base é igual ao de Laus: aproximadamente R$ 30,5 mil.

Relator da Lava Jato na corte regional, João Pedro Gebran Neto, natural de Curitiba, não possui imóvel próprio em Porto Alegre. Ele também recebe auxílio-moradia.

Os três começaram a fazer uso do benefício em outubro de 2014, um mês depois de decisão liminar do ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux, que estendeu o auxílio a todos os juízes, mesmo os que já tinham imóvel próprio.

Dos 494 magistrados da 4ª Região, que compreende os três Estados do Sul, só 74, ou 15%, não ganham auxílio-moradia. O gasto mensal com o benefício chega a R$ 1,84 milhão. Em 2017, o gasto anual foi de R$ 21,4 milhões. Desde a liminar de 2014, o auxílio-moradia aos magistrados da 4ª Região já custou R$ 71,3 milhões.

Outras Notícias

PSG confirma que Neymar passará por cirurgia no pé

O PSG emitiu um comunicado na tarde desta quarta-feira, onde confirmou que o brasileiro Neymar terá de passar por cir...

Depois de decisão do STF, mulheres presas vivem expectativa por prisão domiciliar

As mulheres do Presídio Feminino Madre Pelletier, em Porto Alegre, acompanharam ao vivo pela televisão a sessão do Su...

Acidente mata três em Eldorado do Sul e interdita a BR 290

Um acidente às 9h20min da manhã deste sábado entre um Fiat Prisma e um caminhão deixou, pelo menos, três pessoas mort...

Atenção: Golpista se passa por assistente social em Sapiranga

Sapiranga – A Prefeitura de Sapiranga, por meio da Secretaria de Assistência Social, alerta para golpista que estaria...

Calor aumenta em sábado ensolarado no RS

O calor aumenta no Rio Grande do Sul neste sábado que deve ser marcado pela grande presença do sol acompanhado de nuv...

EGR admite estudo para reajustar tarifa e lideranças pressionam por melhorias

Região – A pressão da comunidade e das lideranças locais para investimentos que ampliem a segurança ao longo da RS-23...

Em bom jogo, Inter empata com o Corinthians e complica avanço na Copa do Brasil

O Inter fez uma boa apresentação, no maior desafio até aqui da temporada, mas amargou o empate em 1 a 1 com o Corinth...

Depois de chamar chacina em Manaus de ‘acidente’, Temer tenta se explicar nas redes

Após a repercussão negativa da declaração feita mais cedo, quando classificou a chacina no Complexo Penitenciário Aní...

"Fui ordenada a mudar informe do voo da Chapecoense", diz funcionária boliviana

Refugiada no Brasil, a boliviana funcionária da Administração de Aeroportos e Serviços Auxiliares à Navegação Aérea (...

Bayer anuncia compra da Monsanto por US$ 66 bilhões

A companhia de produtos químicos e de saúde alemã Bayer anunciou nesta quarta-feira (14) ter fechado acordo para a co...